Sobre os “sem cultura”, os burros e os pobres.

Após a apuração de ontem, fiquei pensando sobre como iria abordar uma situação que me ocorreu. Não falarei sobre a reeleição da Dilma mas sim sobre a enxurrada de frases e textos que vi no facebook dizendo que o brasileiro (com exceção do sul) é burro, pobre e sem cultura.

Burro, pobre e sem cultura, hoje em dia parece que viraram sinônimos. O que essas pessoas esquecem é o real significado do que elas estão falando. O que é cultura? Quem detém a cultura? Entre várias definições no dicionário achamos essa:

cultura
cul.tu.ra
sf (lat cultura) 13 Sociol Sistema de ideias, conhecimentos, técnicas e artefatos, de padrões de comportamento e atitudes que caracteriza uma determinada sociedade. 14 Antrop Estado ou estágio do desenvolvimento cultural de um povo ou período, caracterizado pelo conjunto das obras, instalações e objetos criados pelo homem desse povo ou período; conteúdo social.  C. geral: a constituída de conhecimentos básicos indispensáveis para o entendimento de qualquer ramo do saber humano. 

Ótimo, uma novidade pra você que acha que é a pessoa mais culta do mundo: Você só acha. Essa mesmo, é a cultura que a elite gosta de dizer que possui porque você lê meia dúzia de livros, porque você não ouve músicas que são marginalizadas (como funk e pagode), porque você não vê filmes que falam besteira, porque você tem ensino médio e superior completo ou simplesmente, porque você mora no sul do país.

Eu venho de uma família de pequenos agricultores, usarei como exemplo a minha vó, ela não tem o ensino fundamental completo, mal sabe escrever, mas quem ousar a dizer que ela é pouco culta estará falando uma completa mentira. Ela tem uma habilidade em cultivo de rosas, quem você, que provavelmente está ai sendo hatter na internet não tem, ela também sabe fazer a melhor polenta do mundo e ela tem técnicas pra isso, além de saber fazer crochê e tricô com destreza. Ela mesmo não se vangloria por nenhuma dessas habilidades, isso é cultura!

Agora, GRANDE DETENTOR DA CULTURA, me diga o que você sabe sobre religiões, música e cultura afro em geral? Me diga o que você sabe sobre escravidão e processo histórico? Me diga o que você sabe sobre fazer acarajé, sopa de tacaca, vestido de chita, cocares, arcos e flechas?

Ou somente me diga o que você sabe sobre pobreza e burrice. Cadê a sua moral de poder julgar alguém apenas por questões de renda?

Agora outra novidade para você: Todas as pessoas tem cultura! Todas as pessoas tem conteúdo social! Então antes de você pensar em escrever essas coisas na sua rede social para todos verem, da uma repassada em todo o seu conhecimento, vê se não ta faltando nenhum, mas nenhum mesmo, pra se julgar culto.

E digo mais, pobres são vocês, que precisam de esmola de conhecimento, respeito e humanidade.

Obrigada pela atenção, Julia.

Anúncios

2 comentários sobre “Sobre os “sem cultura”, os burros e os pobres.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s