Revele suas fotos!

Olá pessoal! Desculpa o delay mas as eleições/faculdade me consumiram. Eu vou falar sobre o álbum da semana, mas isso será no domingo (espero).

Hoje vim falar sobre uma coisa muito legal que eu descobri há um tempo, e hoje em dia todo mundo sabe que é sobre as lomos! Aquelas câmeras analógicas lindas e hipsters que tão rolando muito por ai. Devo dizer que se você gosta de fotografia tens que ter uma dessas.

A foto analógica é linda demais, e tem toda aquela magia de não saber o que vai sair, a qualidade costuma ser melhor que das câmeras digitais normaizinhas de hoje em dia, você pode aumentar a foto muito que ela não perde a qualidade por não ser feita de megapixels, essa é uma grande vantagem.

Outra seria a estética da foto, que tem um ar vintage e nos obriga a revelar, que é uma coisa que estamos perdendo hoje em dia, esse ato de revelar as fotos. Pra quem é historiador sabe a importância de uma foto revelada, ela é eterna!

A Lomography começa com um fatídico encontro no início dos anos 90…

Quando dois estudantes de Viena, Austria, se depararam com uma Lomo Kompakt Automat – uma enigmática e pequena câmera Russa, negligentes, com a qual fotografavam como às cegas. Algumas vezes olhando pelo visor, eles ficaram surpresos com as alucinantes fotos que a tal câmera produzia – as cores eram vibrantes, com profunda saturação e vinhetas que criavam os cantos escuros nas fotos – não havia nada assim que eles haviam visto antes! Ao voltar para casa, os amigos queriam as suas próprias LOMO LC-A, o que alavancou um novo estilo de linguagem artístico experimental fotográfica que hoje nós conhecemos como Lomografia!

Aficionados pelo o que viria a se tornar a Lomography, eles voaram até St. Petersburgo para trabalhar em um contrato pela distribuição global dessa fantástica camerazinha. Logo, as 10 Regras de Ouro foram encaminhadas como guia para esse movimento analógico, aplicadas em exibições, congressos mundiais, festas, instalações, colaborações, e eventos. Novos produtos, filmes e acessórios foram desenvolvidos e a Lomography.com destinada como um eixo de comunicação para os Lomógrafos ao redor do mundo. Ao mesmo tempo as Gallery Stores foram criadas por todos os cantos.

Atualmente nós somos uma ativa organização global dedicada a expressão visual experimental e criativa, a combinação do lo-tech com o hi-tech, e somos uma instituição cultural envolvida no setor comercial de fotografia e design. Nós somos dedicados a um estilo de vida especial que é o analógico e nós vamos continuar a contribuir para a sua expansão!”

Eu tirei esse texto do site da lomography para mais informações sobre o histórico, como comprar, lojas, informações sobre as câmeras acessa lá http://www.lomography.com.br/ .

A minha lomo é uma La Sardina Saint Tropez, eu comprei ela por uns 300 reais. Ela é de filme de 35mm que é o mais comum que você encontra em várias lojas por nada caro, ja comprei por 15 reais um filme de 36 poses. Assim, na hora de revelar, no inicio você vê que queimam várias fotos, mas depois que você pega o jeito elas saem lindas. Vou postar aqui algumas fotos que eu tirei com a minha câmera, cada lomo tem sua particularidade, ai vai de você procurar a que mais lhe interessa. A La Sardina faz multiplas exposições e ela tem uma pegada de cor mais azulada que eu acho bem lindo.

Bem espero que gostem, beijos! Julia.

scaniamento1 001 001 1.jpg 002 2.jpg 003 3.jpg 004 4.jpg 005 5.jpg 006 6.jpg 007 7.jpg 008 8.jpg 009 9.jpg 010 011